terça-feira , 28 março 2017
Home / Decoração / Como escolher suas cortinas – Guia completo

Como escolher suas cortinas – Guia completo

Quer dar uma mudada no visual da sua casa sem gastar muito? Aposte em uma nova cortina!

Elas são peças chave para dar uma forcinha e te ajudar a ter uma casa linda, charmosa e sofisticada.

Mas você sabia que cada cortina é útil em um ambiente diferente? Não basta simplesmente comprar uma cortina e colocar lá, é preciso escolhê-la a dedo para não se decepcionar.

Continue lendo e garanta a melhor escolha para sua casa.

123

Outra ótima pedida para mudar a carinha da sua casa são os papéis de parede. Neste artigo a gente te conta tudo que você precisa saber antes de comprar um.

Sua casa merece uma cortina!

Nessa matéria vou te ensinar:

  1. Quais os tipos de cortinas que existem no mercado e para que serve cada uma delas;
  2. Como escolher entre ter uma cortina de varão ou trilho;
  3. As pregas mais comuns para as cortinas;
  4. Como definir o tamanho que sua cortina deve ter;
  5. Quais os tecidos a usar;
  6. Cortinas no banheiro e na cozinha. Pode?;
  7. Quais detalhes colocar na sua cortina;
fonte: http://www.houzz.com/photos/11008768/The-Art-Apartment-contemporary-living-room-sydney

 1. Tipos de Cortina

No mercado existem uma infinidade de tipos e tecidos de cortinas, mas como escolher uma sem que fique feio, pesado ou mesmo destoante com a decoração da sua casa?

O primeiro ponto é sobre o “peso” da cortina. Elas podem ser bem leves ou mais encorpadas.

Cortinas Leves:

As mais leves trazem um toque de leveza para sua casa, um frescor ou uma sensação daquela brisa da manhã. Vão muito bem em janelas bem iluminadas, mas elas não conseguem, sozinhas, impedir que a luz entre em sua casa.

Se o excesso de luz te incomoda, ter apenas uma cortina leve não surtirá o efeito que você busca.

16140662

Cortinas encorpadas

Por outro lado, as cortinas mais encorpadas tendem a dar uma elegância maior a sua casa.

Fuja de cortinas encorpadas muito decoradas, cheias de adornos ou estampas. Isso tende a carregar o ambiente e, na maioria das vezes, não fica bonito.

A elegância dessas cortinas vêm das cores sóbrias que não destoam dos móveis e objetos de decoração da casa. Essa cortina é um complemento, não uma peça para chamar a atenção.

Dependendo do tecido escolhido, elas funcionam como cortinas blackout, ou seja, impedem mais de 70% da luminosidade externa de entrar na sua casa. São muito boas para serem usadas em quartos e salas com muita luminosidade.

Mas não existem apenas esses tipos de cortina. Aposto que você já ouviu falar da cortina persiana, não é mesmo?

como-escolher-suas-cortinas (21)

Cortina persiana

Elas são ótimas para controlar a quantidade de luz que entra no seu ambiente através de um mecanismo que te permite abrir ou fechar a passagem e de luz e, é claro, abrir completamente a janela.

A parte triste delas é que o design já está meio ultrapassado e, para você acertar na decoração com elas você deve ter um pouco mais de atenção.

Tente usar cores fortes para que ela não passe batido e faça parte do ambiente. Escolha sabiamente onde coloca-la para não enganchar nos móveis e nas pessoas.

Não se esqueça também que embora mais simples de limpar e, por isso são indicadas a alérgicos, ela vai juntar pó mais rápido e, por isso, deve passar longe de áreas com muito pó e umidade.

123

Cortinas de rolo

Muito parecidas com as persianas, nós também temos as cortinas de rolo.

Normalmente são feitas em tecidos grosso e funcionam como blackouts, mas dão um ar completamente diferente à decoração. Use e abuse de cores e mostre que elas não são apenas um tecido estendido na janela. =)

brochure boek catalogus gordijn rollo

Veja a matéria 10 dicas importantes para decorar sua casa. Você vai adorar!

Mas como ter a leveza e a proteção ao mesmo tempo?

Mesclando os tipos. Cada dia é mais comum o uso de duas camadas de cortinas. Por baixo a cortina mais leve que deixa a luz transpassar e, por cima, normalmente aberta, a cortina mais encorpada que impede a luz.

Dessa forma fica fácil, quando quiser leveza e luz, abra a cortina pesada. Quando quiser proteção e elegância (combina muito com o período noturno), feche a cortina de cima.

pequena1  pequena6  como-escolher-suas-cortinas (28)

Mas escolher uma cortina não é apenas isso não é?

Varão ou de trilho?

Muitas pessoas acreditam que as cortinas de varão vieram para substituir as cortinas de trilho, mas isso não é verdade. Ainda hoje utilizamos muito as duas. A diferença está, novamente, no estilo que você deseja adotar.

Varão

O varão combina muito bem com cortinas leves e, o fato dele normalmente estar aparente faz com que ajude a criar um clima mais relax ao ambiente. As cortinas que usam o varão normalmente são mais baratas, utilizam de menos tecido e dobras e são bem mais simples de serem trocadas.

decoração-de-casa-simples-1

Trilho

O trilho foi feito, em suma, para ser escondido. Ele não compõe a decoração, tem apenas a função de segurar a cortina. Verdade seja dita, a dificuldade de trocar essas cortinas é consideravelmente maior do que trocar uma de varão.

como-escolher-suas-cortinas (1)

Mas eu ainda nem comecei a falar sobre as pregas para a sua cortina!

Pregas mais comuns para uma cortina

Já se perguntou quantas pregas existem para uma cortina? Vou te contar as mais comuns:

tipos de pregas cortinas 1

Passante em tecido: Fica muito bom usado sob persianas ou rolo. É muito decorativo embora as alças não deslizem bem no varão.

Ilhoses: Estão na moda e combinam com ambiente joviais e modernos. É um modelo usado para cortinas que não serão muito usadas, sua função é mais decorativa.

Suporte de tecido inteiriço: É simples, atual e elegante, porém tem o deslizamento difícil.

Argolas: Sempre na moda, o modelo tem argolas presas ao varão que simplesmente suspendem o tecido. O que muda são os materiais como metal cromado, dourado, ouro velho, madeira escura ou branca e até mesmo plástico.

tipos de pregas cortinas 2Lacinhos: Este modelo é muito utilizado em quartos de bebês. Nele, o tecido fica preso ao varão por lacinhos de pano da mesma cor da cortina ou de cores diferentes.

Romanas: Charmosas, elas se encolhem a medida que são suspensas. Podem ser usadas sob xales estendendo-se ao chão, com tecidos transparentes que permitem uma passagem de luz.

Rolo: Muito usado para cobrir janelas pequenas de cozinhas, home theaters entre outros. Utilizado com tecidos black out, impedem a passagem de luz.

Painel: É a cortina mais básica de todas. Duas cortinas penduradas formando um painel liso na janela.

tipos de pregas cortinas 3

Pregas fêmeas: O volume dos tecidos vai para trás da cortina e esta fica com um caimento reto.

Pregas macho: O volume do tecido vai para a frente da cortina e proporciona um caimento reto e elegante. Pode ser usado com varões ou trilho ou ainda xales laterais.

Pregas deitadas: Seu caimento é reto e utiliza bastante pano e combina bem com tecidos pesados.

Pregas americanas: Modelo clássico que possui como detalhe três preguinhas. A cortina pode ser presa no trilho ou no varão. Geralmente é usada com forro, o que favorece o caimento do tecido e amplia a proteção contra a poluição do ar e raios solares.

Parece que não, mas não faltam tópicos para se pensar antes de escolher uma cortina não é? Fique conosco e descubra o que ainda falta saber sobre a escolha da sua cortina perfeita.

Já deu uma lida em nossa matéria sobre papel de parede? Lá te conto tudo que você precisa saber antes de colocar o seu!

Tamanho da cortina

Isso vai variar de caso para caso, mas basicamente a regra é:

  1. Design by Tomas Rangel
    Design by Tomas Rangel

    Comodos baixos: Instale o varão mais próximo do teto (entre 5 cm e 10 cm do roda teto) faz com que o cômodo pareça mais alto.

  1. Comodos altos: No caso de um pé-direto acima de 2,70 m de altura, use varões na metade da medida entre o roda-teto e a parte superior da janela.
  1. O trilho deve sempre ficar no teto, se houver um cortinheiro (espaço no gesso dedicado ao encaixe do trilho da cortina sem que fique visível), ele deve ficar dentro do rebaixo.
  1. A cortina não deve ser longa demais para não atrapalhar na circulação da casa nem acumular poeira piso (de 5 cm a 10 cm) nem curta demais. Lembre-se: As cortinas curtas funcionam apenas em quartos de bebê.
  1. Caso exista algum obstáculo no chão, como um aparador, luminária ou pia, por exemplo, prefira um modelo romano ou uma persiana. Se ainda assim preferir uma cortina tradicional, use a mesma distância do móvel em questão a cortina (5 a 10 cm).
  1. Para que a cortina não encolha, invista em manda-la para lavar em uma boa lavanderia 2 vezes por ano.
  1. A largura da sua cortina depende de você e não tem regra. Normalmente quando o varão é usado, a cortina ultrapassa 20 cm para cada lado a largura da janela. Se for trilho existem duas opções, utilizar com a mesma regra do varão ou cobrir a parede inteira da janela, que vai dar mais amplitude ao comodo.
  1. A medida em largura da cortina vai depender do tipo de acabamento que você quer dar. Acabamentos tipo argolas, franzido ou ilhós, multiplique o tamanho do varão ou trilho por 2. Se houver pregas multiplique por 2,5 e, se for do tipo painel, passante ou tecido inteiriço, a medida é o tamanho do varão.

Tecidos

Na matéria-prima, destacam-se as tramas sintéticas, como linho ou gaze de linho com poliéster: a aparência imita a da fibra 100% natural, mas sem os inconvenientes de encolher e amassar.

Os tecidos pesados mais recomendados são as sarjas e crepes.

Quanto aos tecidos leves, os especialistas em decoração de interiores indicam o uso de voil, microfibra, cambraia, renda, linho, seda e palha.

Conhece o ikea? Ele tem sempre cortinas bem bacanas e a um preço acessível.

como-escolher-suas-cortinas (18)

Banheiros e cozinhas

Nestes casos, o melhor investir em persianas, de preferência metálicas ou telas solares. Ambas são mais fáceis de limpar, detalhe fundamental em espaços expostos a gordura e umidade.

Se a esquadria ficar fora do boxe ou longe do fogão, vale instalar uma cortina romana, mas de tecido sintético, que possa ser lavado frequentemente.

como-escolher-suas-cortinas (1)

Nessa matéria a gente te dá várias dicas para decorar seu lavabo!

Detalhes finais

Para finalizar a escolha de uma cortina, podem ser inseridos papel de parede-03alguns detalhes para incrementar o visual:

O barrado é apenas uma dobra interna da parte de baixo do tecido, mas ele pode ser elaborado com um tecido diferente, na altura da preferência do cliente preferir ou pode até não existir.

Um último detalhe pode ser um pingente decorativo ou com a função de amarrar o tecido.

Imagens: Divulgação

Espero que vocês tenham gostado do artigo!

Se tiverem dúvidas, dicas ou sugestões, nos mandem aqui nos comentários. Quero ouvir você!

Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais e os ajude a também escolher suas cortinas.

 

Um beijinho e até já!

Sobre Mirna Alves

Metódica, daquelas que monta planilha pro café da manhã (sabe?), adora fazer gráficos, apresentações. É bem inteligente, mas também bem desastrada e inimiga nº 1 das tarefas de casa. Gosta de carros, design e decoração e se diverte programando.

Veja também

capa como fazer box baú barato

Como fazer uma cama box baú barata

O DIY de hoje é mega especial! Hoje nós vamos te ensinar como fazer uma …

3 Comentários

  1. Muito Obrigada!

  2. Oi Barbara,

    Isso é um suporte para varão duplo e são vendidos em lojas que vendem cortinas e varões para cortina.
    :*

  3. Boa tarde!
    que peça é essa que segurou o varão nesse vídeo? …http://studio1202.com.br/decoracao/transformando-o-nosso-quarto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.